Historia do computador

História do Computador

O início de tudo

Como em qualquer invenção, o primeiro computador teve sua origem em algo preexistente e que já trazia consigo alguns conceitos trabalhados por especialistas anos antes. Enquanto Alan Turing é conhecido por seu pioneirismo na ciência da computação, ou da programação em si, foi o engenheiro mecânico Charles Babbage que inventou o primeiro equipamento considerado um computador mecânico, ainda no século XIX, segundo pesquisadores.

Anos 1940 – Primeira geração

HP200A era um oscliador de áudio usado para criar efeitos sonoros no cinema (Foto: Reprodução/Creative Commons)
O oscilador HP200A era usado para criar efeitos sonoros no cinema (Foto: Reprodução/Creative Commons)

Somente na década de 1940, os computadores mecânicos rudimentares deram lugar de vez aos computadores de uso geral, que já usavam algoritmos simples para perfurar cartões e entregar resultados de cálculos complexos aos seus operadores. Nesse contexto, a fundação da HP é um marco, tendo apresentado seu popular Oscilador de Áudio HP200A, equipamento usado na indústria do cinema pela Disney para produzir efeitos sonoros.

A chamada "Primeira Geração" é marcada por computadores a válvula, tendo o Eniac (Electronic Numerical Integrator and Computer) como seu principal representante para alguns estudiosos. Ele foi criado em 1946, durante a Segunda Guerra Mundial, nos Estados Unidos, por John Eckert e John Mauchley. Trata-se do primeiro computador digital eletrônico programável de uso geral.

Essa primeira geração de computadores passa ainda por invenções como o Harvard Mark I, em 1944, usado pelos nazistas na Segunda Guerra Mundial. Além do SSEC, lançado em 1948 pela IBM, capaz de calcular a posição da Lua utilizando sequência seletiva eletrônica – a máquina ficou famosa por ter sido usada para traçar a rota da missão Apollo 11, em 1969.

Anos 1950 – Transistores

Primeiro computador de sucesso com transistores, o UNIVAC 1101 ocupava uma sala inteira (Foto: Reprodução/Creative Commons)Univac 1101, modelo de sucesso com transistores, ocupava sala (Foto: Reprodução/Creative Commons)

A "Segunda Geração" dos computadores surgiu na década de 1950 e teve como marca a chegada dos transistores. Com a nova tecnologia, finalmente o computador idealizado por Alan Turing poderia ser construído e comercializado – o destaque foi o Univac 1101, um equipamento de 12 metros de comprimento e 6,1 metros de largura que usava 2.700 tubos a vácuo para seus circuitos lógicos.

A máquina, considerada avançada na época, apresentava 38 instruções e uma espécie de memória equivalente a 48 bits. Mais tarde, depois do lançamento de uma série de computadores eletrônicos nos Estados Unidos, Inglaterra e Japão, a IBM lança a primeira série de mainframes transistorizados da companhia: IBM Strech.

Anos 1960 – Microprocessadores

Do tamanho de um frigobar, o DEC PDP-8 foi a máquina com microprocessador mais vendida dos anos 1960 (Foto: Reprodução/Creative Commons)
Do tamanho de frigobar, DEC PDP-8 fez sucesso nos anos 1960 (Foto: Reprodução/Creative Commons)

Algo como a “Era de Ouro” dos computadores, a década de 1960 trouxe para o mercado os primeiros microprocessadores. A lista começa com o DEC PDP-1, precursor da "Terceira Geração", e passa pelo CDC 6600, o mais rápido da época e três vezes mais veloz do que o Strech, da IBM – ele conseguia realizar mais de 3 milhões de instruções por segundo.

Foi em 1965 que o computador finalmente saiu das grandes salas e se tornou portátil. O primeiro microcomputador vendido com sucesso no mercado foi o DEC PDP-8, um computador de 12 bits cujas dimensões se assemelhavam ao de um frigobar de hoje. A fabricante Digital Equipment Corporation – daí a sigla DEC – vendeu mais de 50 mil unidades naquele ano.

 

Anos 1970 – Microcomputadores

Graças ao pioneirismo do DEC PDP-8, a "Quarta Geração" de computadores, nos anos 1970, é conhecida pela avalanche de microcomputadores pessoais, começando pelo Kenback 1, anunciado na revista Sicentific American em 1971 e que custava US$ 7 mil. Três anos depois, Xerox lançou a primeira estação de trabalho pessoal baseada em microprocessador e que já tinha entrada para mouse, o Scelbi SH.

Foi nessa década, em 1976, que surgiu o primeiro computador com processamento vetorial de sucesso comercial, construído por Steve Wozniak. Chamado de Cray I inicialmente, foi renomeado para Apple I com a fundação da empresa após a entrada de Steve Jobs. No ano seguinte, o Apple II foi sucesso instantâneo.

Anos 1980 – Quinta geração

O primeiro Macintosh foi também o pioneiro na interface gráfica em computadores pessoais (Foto: Reprodução/Creative Commons)
Primeiro Macintosh foi também pioneiro na interface gráfica de PCs (Foto: Reprodução/Creative Commons)

Com a popularização dos microprocessadores, a década de 1980 foi marcada pelos computadores pessoais, com IBM, Commodore e Compaq se juntando à Apple nesse mercado, o que levou a uma série de inovações. Foi em 1984, por exemplo, que a empresa de Jobs laçou o Macintosh, primeiro computador com interface gráfica vendido comercialmente.

A década também teve o primeiro computador pessoal a incorporar uma unidade de disco rígido com armazenamento óptico e linguagem orientada a objetos para simplificar a programação. Curiosamente, o “pai” do projeto também foi Steve Jobs, mas na NeXT, empresa que fundou após sua saída temporária da Apple em 1985.

Anos 1990 – Computadores pessoais

iMac inovou não só na tecnologia, mas também no design, usando plástico e azul Bondie (Foto: Reprodução/Creative Commons)iMac inovou não só na tecnologia, mas também no design (Foto: Reprodução/Creative Commons)

Foi na década de 1990 que os computadores pessoais se tornaram produto de massa. A Intel entrava no mercado com seu processador Pentium, em 1993, seguido pelo Pentium II, em 1997. A AMD também lançou seu primeiro Athlon no mercado em 1998, que rodava a incríveis 750 MHz.

A década também é conhecida pelos consoles de games com microprocessadores, como o Playstation, lançado pela Sony em 1995. No fim da década, a Apple apresentou seu primeiro iMac, computador que unia todos os componentes ao monitor, resultando em um produto extremamente compacto para a época – foi o primeiro All-in-One.

Anos 2000 – Computação móvel

Revolução da insdústria de computação móvel, iPhone foi o grande marco da década de 2000 (Foto: Reprodução/Creative Commons)
iPhone foi grande marco da indústria de computação móvel (Foto: Reprodução/Creative Commons)

Pode parecer recente para muitos, mas os anos 2000 já são história. Há 12 anos, a canadense RIM lançava o primeiro smartphone do mundo, chamado de Blackberry. O aparelho oferecia sistemas de e-mail e navegação na web, além de conexão móvel. Mas, apesar de todos os lançamentos importantes daquela década, ela será marcada pelo surgimento do iPhone.

Em 2007, Steve Jobs apresentou o aparelho em um keynote histórico durante a WWDC daquele ano. Era o primeiro smartphone com tela sensível ao toque e com sistema operacional avançado, capaz de rodar aplicações complexas, como player de música com animações. Entra também nessa década o lançamento do iPad, em 2010, responsável pela criação de uma indústria inteira de tablets, assim como o iPhone fez com os smartphones.

 

Fonte:Techtudo

Edição Conserto PC 013 em Praia Grande

 

Sobre a loja

Serviços de Informática em Praia Grande e Santos Conserto de computador Praia Grande Florida; Conserto de computador Praia Grande Vila Guilhermina; Conserto de computador Praia Grande Antartica; Conserto de computador Praia Grande Ocian; Conserto de computador Praia Grande Aviacao; Conserto de computador Praia Grande Vvila Caicara; Vila Sónia PG. Conserto de computador Praia Grande Boqueirao; Conserto de computador Praia Grande Vila Antartica; Conserto de computador em Santos à Domicílios.

Selos
  • Site Seguro

Tiago - CPF: 228.725.785-36 © Todos os direitos reservados. 2020